Homem detido pela PSP por “condução perigosa” no recinto da Viagem Medieval

Homem detido pela PSP por “condução perigosa” no recinto da Viagem Medieval

Um homem foi detido por condução perigosa esta quinta-feira em Santa Maria da Feira depois de arrastar um agente da PSP durante 30 metros quando tentava entrar no recinto da Viagem Medieval. O detido, residente na zona onde decorre o evento, tinha dístico de permissão para entrar na zona, mas de acordo com a PSP recusou aguardar que fossem reunidas as condições de segurança para entrar no recinto, numa altura em que circulavam centenas de pessoas na via.

O agente da PSP não sofreu ferimentos neste incidente que aconteceu ao final da tarde desta quinta-feira, dia 4 de agosto. Em comunicado, a PSP esclarece que o homem “foi abordado nas imediações do espaço dedicado ao evento “Viagem Medieval”, na altura em que pretendia entrar num local interdito a viaturas“.

A força policial afirma que o homem possuía um “dístico de permissão” para entrar no recinto, mas, diz a PSP, recusou indicar o local de residência para ser acompanhado pela polícia, tendo colocado “a viatura em marcha“. “Em tom exaltado, e recusando-se a indicar o local de residência, para confirmação de permissão de acesso ao local vedado ao público em geral, uma vez que possuía um dístico de permissão, e para que a Polícia acompanhasse o prosseguimento da sua marcha em segurança, passando pelas centenas de cidadãos apeados que ali se encontravam, o condutor, desobedecendo à ordem proferida de não avançar, colocou a sua viatura em marcha, tendo que o polícia se desviar, repentinamente, para não ser atropelado, mas acabando por ser levado, pendurado, sobre a viatura, por cerca de 30 metros. O condutor foi imobilizado, com a ajuda de cidadãos que presenciaram a ocorrência“, detalha o comunicado.

O agente escapou ileso e deteve condutor, “que continuava em tom agressivo e ameaçador”. O homem foi posteriormente “conduzido para as instalações policiais”.

Foto: DR