V Descida Mais Louca da Malápia promete “novos obstáculos e muita adrenalina”

V Descida Mais Louca da Malápia promete “novos obstáculos e muita adrenalina”

 

Um percurso com quase 2 km cheio de obstáculos, desde rampas, gincanas, curvas e contracurvas sem falar da mítica travessia da linha do “Vouguinha” prometem fazer a delícia dos pilotos e do público na V edição da Descida Mais Louca da Malápia. O evento, inserido nas Festas Sanjoaninas, volta a trazer novidades este ano. 

Inserida nas Festas Sanjoaninas a decorrer na freguesia de S. João de Ver, entre os dias 19 a 23 de Junho, a V Edição da Descida Mais Louca da Malápia volta a ser um dos pontos altos do cartaz das Festividades. Organizada pela Associação Malapeiros Rolantes, com o apoio da Junta de Freguesia de S. João de Ver e Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, decorrerá pelas 14h00 do dia 22 de Junho e terá como epicentro o centro da freguesia de S. João de Ver, com partida na Rua do Pinhal do Conde (um pouco abaixo da Rotunda ao Monumento Espírito Feirense) e chegada junto ao Pavilhão Municipal de S. João de Ver.

Um percurso com quase 2 km cheio de obstáculos, desde rampas, gincanas, curvas e contracurvas sem falar da mítica travessia da linha do “Vouguinha” prometem fazer a delícia dos pilotos que partem na aventura e de quem está a assistir. “Traremos novos obstáculos que virão certamente trazer mais adrenalina à prova, mas que não podemos divulgar já para não estragar a surpresa”, refere a organização em nota de imprensa.

A Kidszone, que tem sido um dos pontos altos da corrida e que faz as delícias da pequenada, está também de regresso, com os mais novos a recriarem uma vez mais a lenda de atirar malápios ao comboio, neste caso atirando “malápios” aos carros e pilotos participantes.

A Descida Mais Louca da Malápia é uma prova de carros artesanais que “visa principalmente estimular a criatividade dos participantes e envolver a comunidade numa atividade lúdica promovendo as relações de cidadania”, descreve a Associação Malapeiros Rolantes. “É um evento dos sanjoanenses para os sanjoanenses, mas não deixa de fora as comunidades vizinhas favorecendo também as relações intermunicipais. Quer-se também cimentar a identidade local e gerar o convívio entre os cidadãos participantes e quem esteja a assistir. É isso que incentivamos também os nossos patrocinadores a fazer dinamizando a zona junto ao obstáculo que patrocinam criando momentos únicos de camaradagem, num verdadeiro momento de Team Building”, acrescenta.

A Associação Malapeiros Rolantes prometer continuar focada na dinamização da freguesia, “fomentando o orgulho Malapeiro, criando e desenvolvendo atividades que tragam mais-valia à freguesia envolvendo, para isso, o setor empresarial e associativo sanjoanense”. 

 

Reveja a reportagem vídeo da Rádio Sintonia sobre a IV Descida Mais Louca da Malápia: