ABTF Betão-Feirense no Top 10 em Viana do Castelo

ABTF Betão-Feirense no Top 10 em Viana do Castelo

Pedro Andrade e António Carvalho terminaram Clássica Viana do Castelo entre os primeiros. O diretor desportivo da ABTF Betão Feirense, Joaquim Andrade, mostrou-se satisfeito com união do grupo em torno de um objetivo.

Este domingo, a ABTF Betão Feirense disputou a terceira edição da Clássica Viana do Castelo, onde uma avaria arredou Pedro Andrade da luta pela vitória, terminando no sexto lugar. António Carvalho fechou o dia em oitavo e a equipa em terceiro na classificação conectiva.

Com partida em Santa Marta de Portuzelo e chegada em Viana do Castelo, a Clássica de 153,2 quilómetros foi bastante dura, devido ao traçado de montanha e troços de empedrado e terra batida. Desde cedo, o pelotão sentiu a dureza do terreno, cedendo às diversas movimentações e ataques na frente da corrida, ficando fragmentado em vários grupos.

Pedro Andrade e António Carvalho conseguiram manter-se bem colocados na frente, com o primeiro a encontrar-se numa boa posição para discutir a vitória. Contudo, uma avaria fez com que Pedro tivesse de parar, perdendo a oportunidade de disputar a linha de meta. Um grupo de cinco corredores discutiu a vitória ao sprint, com o triunfo a ficar nos pedais de Luís Gomes (Kelly-Simoldes-Udo).

Partimos com a ambição de vencer e estivemos sempre atentos a todas as movimentações. Na fase decisiva, ficámos com o António e o Pedro na frente. O Pedro tinha possibilidade de lutar pela vitória, mas teve uma avaria, que o obrigou a parar e ficou afastado de lutar pela corrida. Ainda assim, o resultado foi positivo, acabou por fazer sexto e o António oitavo“, refletiu o diretor desportivo da equipa, Joaquim Andrade, em jeito de balanço. “Acima de tudo, o que me agradou foi a atitude deles em lutarem por um objetivo. Quando perceberam que o Pedro estava em melhores condições, ajudaram para tentar vencer. Vamos esperar por melhores dias e que a sorte nos comece a sorrir, porque nos últimos tempos as coisas não têm acontecido dessa maneira. A única satisfação que tiramos é que a equipa encontra-se a melhorar a cada dia e, pouco a pouco, conseguiremos alcançar os nossos objetivos“, concluiu.

Fotos: Matias Novo – Fotografias / Do & Go