Rui Gomes: “Acho que nunca vou deixar de conseguir ser o Dr. Palhaço”

Rui Gomes: “Acho que nunca vou deixar de conseguir ser o Dr. Palhaço”

Rui Gomes nos estúdios da Sintonia

Rui Gomes trocou o gabinete de Contabilidade e a gestão pela carreira de ator e palhaço há cerca de 13 anos. A par do trabalho que desenvolve em companhias de teatro, Rui veste, desde 2008, a pele do Dr. Boa Vida na Operação Nariz Vermelho. A sua missão, diz, é levar às crianças, pais e profissionais de saúde “um momento transformador em que, por alguns minutos, estes se podem abstrair do espaço do hospital e, nesse encontro, criar algo extraordinário”.

Rui Gomes, natural de Espinho e atualmente a residir em Gaia, encara a vida com uma filosofia que se baseia na premissa de que o melhor está ainda para vir. “Amanhã vai ser o melhor dia de sempre”, diz, resumindo, com estas palavras, a forma como tem trilhado este caminho. Há cerca de 13 anos a levar alegria, gargalhadas e boa disposição aos hospitais, Rui confessa que não sabe se algum dia conseguirá deixar de ser o Dr. Boa Vida. “Acho que nunca vou deixar de conseguir ser o Dr. Palhaço“, reconhece.

Na entrevista, Rui Gomes fala sobre o seu percurso, sobre a Operação Nariz Vermelho e sobre a carreira de ator. O último ano e meio, em pandemia, foi de superação para a equipa da Operação Nariz Vermelho. Rui Gomes explica que a equipa foi rápida a reinventar-se para fazer chegar às crianças, por via digital, momentos de humor e boa disposição, através da criação da TV ONV.

A entrevista pode ser ouvida na íntegra aqui.

Entrevista com Rui Gomes – 04/08/2021