“É UM ATAQUE DE S. JOÃO DA MADEIRA A SANTA MARIA DA FEIRA!”

“É UM ATAQUE DE S. JOÃO DA MADEIRA A SANTA MARIA DA FEIRA!”

Praia fluvial

“Projeto de lei para retirar Milheirós de Poiares a Santa Maria da Feira”, titula hoje o Jornal de Notícias. O PS e o BE apresentaram no Parlamento um projeto de lei com vista à integração da freguesia milheiroense no concelho de S. João da Madeira. A reacção, em direto, do presidente do município de Santa Maria da Feira, Emídio Sousa.

Fernando Rocha Andrade, deputado do PS, e Moisés Ferreira, deputado do BE, são dois dos signatários. “Este documento traduz o sentir da população de Milheirós de Poiares e a opinião esmagadora dos órgãos da freguesia. É benéfico para os milheiroenses e para a administração local.” Trata-se de “verter para a iniciativa legislativa a vontade popular de um referendo com resultado expressivo, que ninguém pode colocar em causa.”

Os argumentos do deputado do BE Moisés Ferreira.

No documento, é justificada a integração com a “grande dimensão” de Santa Maria da Feira que “não é alheia à dificuldade em garantir, em todo o seu território, a existência de infraestruturas necessárias à qualidade de vida das suas populações, contrastando, nesse aspeto, com o concelho de S. João da Madeira, cuja mais reduzida dimensão permitiu a realização rápida dessas infraestruturas”. Argumentos que não convencem o presidente da autarquia feirense.

A 16 de setembro de 2012, os milheiroenses “disseram sim à integração em S. João da Madeira, com 79,92%, dos votos contabilizados no referendo. Apesar disso, a abstenção foi de 46%, de 3283 eleitores inscritos. Votaram 1773. O referendo não tem valor vinculativo”, escreve na edição de hoje o Jornal de Notícias. A vontade do povo de Milheirós de Poiares “é continuar em Santa Maria da Feira”, garante Emídio Sousa.

Assim, de acordo com o projeto de lei, Milheirós de Poiares “passa a integrar o concelho de S. João da Madeira, mantendo-se inalterados os limites territoriais da freguesia. O património pertencente ao município de Santa Maria da Feira, localizado em Milheirós de Poiares, passa a integrar o património do município de S. João da Madeira.”

Milheiros Poiares

A população de Milheirós”está dividida”, garante o milheiroense Artur Sá.