SINTONIA DE ATAQUE DESTACA OS DECISIVOS FEIRENSE-VITÓRIA B E LOUROSA-GAFANHA!

SINTONIA DE ATAQUE DESTACA OS DECISIVOS FEIRENSE-VITÓRIA B E LOUROSA-GAFANHA!

sintonia ataque

Já não há margem de erro. É ganhar, ou ganhar! Para o Feirense, já esta 4.ª feira às 17 horas, no Marcolino de Castro, diante do Vitória B, bem como para o Lourosa, no domingo às 16 horas, contra o Gafanha, só os três pontos garantem que os objetivos serão atingidos. Subida à I Liga para os fogaceiros, permanência no Campeonato de Portugal para os lusitanistas. Sintonia de Ataque trouxe Rodrigo Nunes e Luís Sá a estúdio, na Águia Azul, a Sintonia Futebol. O presidente dos azuis da Feira deu o mote para o embate desta 4.ª feira.

Desde sempre adepto do Lourosa, Luís Sá, tesoureiro com forte paixão lusitanista, desafia as gentes da cidade capital da cortiça, para a partida deste domingo, frente a rival direto, o Gafanha, às 16 horas.

0 Feirense Vitoria B

O desafio Olhanense-Feirense, no Algarve, marcou a estreia de José Mota. Rodrigo Nunes fala de um empate amargo, face ao que aconteceu em jogo.

E que análise faz o dirigente fogaceiro às diferenças na equipa, agora com José Mota ao leme técnico?

Para o Lourosa, o primeiro fim de semana de Abril foi de derrota, 3-0, frente ao Lusitano de Vildemoinhos. Luís Sá já esperava um jogo “difícil.”

0 convite Lourosa

“O Lourosa mobiliza mais adeptos do que o Feirense”, garante Luís Sá, em Sintonia de Ataque. “Se fosse o Lusitânia a lutar pela subida à I Divisão, não teríamos problema em levar 1000 pessoas para o jogo em Famalicão. O Feirense nem um autocarro conseguiu encher.”

A questão do bairrismo, a identidade Feirense, a identidade Lourosa, em Sintonia de Ataque. Rodrigo Nunes e Luís Sá soltam argumentos.

Em estreia no programa Sintonia de Ataque, Luís Sá enfatiza a ligação ao Lourosa.

0 Fiaes cede em casa

Depois de Paulo Ferreira, presidente do Luistânia de Lourosa, ter desejado a subida do Fiães aos Nacionais, Luís Sá não deixou de comentar o Campeonato Pecol, após a surpreendente derrota fianense, no Bolhão, frente ao Avanca, 0-2. O Recreio de Águeda aproveitou o empate do Espinho em Esmoriz, na Barrinha, para saltar, de novo, para a liderança. O dirigente do Lourosa é de opinião que é “mais fácil para o Águeda subir de divisão, porque não tem os derbies que têm o Fiães e o Espinho. Com a quantidade de adeptos que o Espinho arrasta, todas as equipas querem ganhar a este histórico do futebol português.”

Benfiquista confesso, Luís Sá recusa que haja “colinho ao Benfica! Colinho sim, com a massa associativa que é única!”

A edição de Sintonia de Ataque aconteceu minutos antes do Porto-Tondela, 0-1 e do Belenenses-Sporting, 1-5. O debate foi aceso entre Rodrigo Nunes e Luís Sá na Águia Azul, a Sintonia Futebol.

Sintonia de Ataque fechou assim, em direto.