INSTALAÇÕES DO SOUTENSE VANDALIZADAS. JORGE COSTA E RODRIGO NUNES EM ESTÚDIO

INSTALAÇÕES DO SOUTENSE VANDALIZADAS. JORGE COSTA E RODRIGO NUNES EM ESTÚDIO

Sintonia de Ataque

Não há maneira de parar a onda de assaltos em Santa Maria da Feira. Depois do Feirense, do Fiães, foi a vez do Clube Desportivo Soutense ver as suas instalações “assaltadas e vandalizadas”. O tema foi abordado em Sintonia de Ataque, por António Regadas, presidente do emblema de S. Miguel de Souto.

O que sucedeu “foi mesmo para vandalizar, para nos deixar de rastos”, acrescenta o feirense Beto, no estúdio da Águia Azul, a Sintonia Feirense.

Beto agradece os gestos de Rodrigo Nunes, no passado, quando o presidente do Feirense ajudou os Amigos do Cavaco. Seria “excelente organizar um torneio para ajudarmos o Soutense, que precisa da vossa ajuda”.

Em Sintonia de Ataque, Rodrigo Nunes disse logo que sim ao Soutense.

Acima de tudo, “sou Feirense!” afirma Beto.

Sintonia lateral

Sintonia de Ataque marca o regresso de Jorge Costa à Águia Azul. Fala dos principais adversários do Feirense na luta pela subida. São eles o Chaves e o Gil Vicente.

Rodrigo Nunes não concorda, totalmente, com a opinião de Jorge Costa e explica porquê, em direto.

Jorge e Soutense

Ano novo, desafios para a direção do Soutense. António Regadas não hesita na resposta.

A lesão de Luís Machado vai afastar o avançado da competição, nas próximas semanas.

Foi sempre animado o debate entre Jorge Costa, pelo F.C. Porto, e Rodrigo Nunes, pelo Sporting.